Londres ; Nova Iorque  ; Madrid  

Sexta-feira, 5 de Março de 2010
Hoje vamos viajar até...

 ... Nova Iorque

Nova Iorque é a cidade com mais população dos Estados Unidos e o centro da área metropolitana de Nova York, que está entre as áreas urbanas mais populosas do mundo. Nova Iorque exerce uma poderosa influência sobre o comércio mundial, finanças, cultura, moda e entretenimento. Nesta cidade situa-se a sede da Organização das Nações Unidas que é também um importante centro de negócios internacionais. A cidade é muitas vezes referida como New York City, para diferenciá-la do estado de Nova York, do qual faz parte.

Localizada num grande porto natural na costa atlântica do Nordeste dos Estados Unidos, a cidade é composta por cinco distritos: Bronx, Brooklyn, Manhattan, Queens e Staten Island. Com uma população estimada em 2007 com mais de 8,3 milhões de pessoas. Nova Iorque é a cidade mais densamente povoada dos Estados Unidos. A população da região metropolitana de Nova York é também a maior do país, estimada em 18,8 milhões de pessoas em 17.400 km². Além disso, a Área Estatística Combinada com a Grande Nova York possuía 22,155 milhões de habitantes em 2008, segundo estimativas do Censo, sendo também a maior nos Estados Unidos.

Nova York foi fundada como um posto de troca comercial pelos Holandeses em 1624. O local foi chamado de Nova Amesterdão até 1664, quando ficou sob o controlo dos Ingleses. Nova York foi a capital dos Estados Unidos de 1785 até 1790 e é a maior cidade do país desde 1790.

Muitos distritos e pontos turísticos da cidade tornaram-se conhecidos mundialmente. A Estátua da Liberdade recebeu milhões de imigrantes que vieram para o país no final do século XIX e início do século XX. Wall Street, em Manhattan, é um dominante centro financeiro global desde a Segunda Guerra Mundial e é o lar da Bolsa de Valores de Nova York. A cidade também é o lar de alguns dos arranha-céus mais altos do mundo, incluindo o Empire State Building e as extintas torres gémeas do World Trade Center.

A cidade é o berço de muitos movimentos culturais, incluindo o Renascimento de Harlem na literatura e nas artes visuais; o expressionismo abstracto na pintura; o hip hop, o punk, a salsa, disco e Tin Pan Alley na música; e é a casa do Teatro Broadway.

Nova York é notável entre as cidades dos Estados Unidos na sua elevada utilização de transporte de massa, cuja maioria funciona 24 horas por dia, e pela densidade populacional e diversidade de seus habitantes. Em 2005, cerca de 170 idiomas eram falados na cidade e 36% de sua população tinha nascido fora dos Estados Unidos. A cidade é muitas vezes referida como "a cidade que nunca dorme", enquanto outros apelidos incluem o "Capital do Mundo", "Gotham"e "Big Apple".

 
 
 
Parques
 

O Central Park em Manhattan.

Nova Iorque possui inúmeras áreas verdes espalhadas. O parque mais famoso é o Central Park, localizado no centro de Manhattan e é um dos pontos de interesse mais conhecidos de Nova Iorque. O Central Park é na verdade composto por mais de cem parques menores. O Central Park possui inúmeros campos de desportos, jardins, um lago, playgrounds e muita área verde disponível, além de um shopping center, um zoológico e um zoológico infantil.

Outros parques famosos são o Madison Square Garden, Riverside Park, Battery Park, Prospect Park, Flushing Meadow-Corona Park, e Forest Park. O litoral que cerca Nova Iorque possui 924 quilómetros de extensão, possuindo 22,4 quilómetros de praias.

 

Cultura

Nova Iorque é um dos maiores centros culturais do mundo. Possui muitas galerias de artes, drama e dança, sociedades musicais e literárias, bem como outras organizações culturais. Vários dos mais reconhecidos centros de concertos, museus, e teatros estão localizados na cidade.

 

Arquitetura

Flatiron Building
 

Nova Iorque é conhecida mundialmente pelos seus arranha-céus e edifícios espalhados por toda cidade estando a maioria deles localizados em Manhattan. Muitos destes altos edifícios são famosos por todo o mundo. O Flatiron Building, com seus 22 andares, foi um dos primeiros a serem inaugurados em Nova Iorque, em 1902.

Na década de 1930, muitos arranha-céus foram construídos.. O Empire State Building, com 102 andares, um dos principais cartões postais da cidade, foi finalizado em 1931, e é actualmente o prédio mais alto.

Em 1973, as torres gémeas ocuparam o posto de prédios mais altos, com seus 110 andares e 410 metros de altura, até 2001, quando foram destruídas nos ataques terroristas do 11 de Setembro.

 

 

 

 

A Estátua da Liberdade.

A arquitectura da cidade de Nova Iorque não se destaca apenas pelos seus altos edifícios. A Estátua da Liberdade, montada em 1884, em França, desmontada e transportada em navios, para ser finalmente montada em Nova Iorque, e inaugurada em 1886. Esta estátua era a primeira vista dos muitos imigrantes que chegavam até a década de 1970.

Muitas igrejas são famosas pelo estilo gótico de arquitectura. Entre elas, a Catedral Episcopal de São João, o Divino, a Igreja Católica de São Patrício e a Igreja Riverside.

 

Artes

Times Square

Nova Iorque é berço de muitos dos estilos artísticos (especialmente na área de literatura, drama e música) que depois se espalham para o resto dos Estados Unidos. Uma das formas de arte mais populares é o teatro. A maioria das melhores e mais conhecidas peças americanas foram criadas e/ou estrearam na cidade.

Organizações musicais de renome internacional incluem a Orquestra Filarmônica de Nova Iorque, uma das mais reconhecidas orquestras do mundo, e a Metropolitan Opera Association, uma companhia de ópera. Muitos concertos liderados por artistas conhecidos internacionalmente são feitos no Carnegie Hall, localizado perto do Central Park.

 

 
 
 
 
Museus

O Metropolitan Museum of Art, um dos maiores museus do mundo.

Nova Iorque possui muitos tipos de museus. O Metropolitan Museum of Art é o maior museu dos Estados Unidos, possuindo mais de dois milhões de obras de arte, que representam as culturas dos últimos cinco milénios. Mesmo ocupando quatro quarteirões inteiros, o museu tem espaço suficiente para mostrar apenas uma pequena parcela das suas obras de arte por vez.

Muitos museus especializaram-se em obras de arte modernas, como o Museum of Modern Art. em Manhattan, e o Guggenheim Museum. O Frick Collection possui coleções de pinturas que datam do século XIV até o século XIX. O American Museum of Natural History é o maior museu de história natural do mundo.

 

Cultura

A sede da ONU.

Nova Iorque é denominada como a  cidade que nunca dorme, por ser altamente activa. Na linguagem americana, "num minuto nova-iorquino" (In a New York minute) significa "imediatamente". Os residentes da região metropolitana geralmente referem-se a Nova Iorque através de expressões como The City ("A Cidade"), e do acrónimo NYC (uma abreviação de New York City).

Nova Iorque possui muitos cognomes. O mais famoso deles é "A Grande Maçã" (The Big Apple), expressão mundialmente conhecida. Outros apelidos incluem Gotham, the Naked City ("A Cidade Nua") e The capital of the world ("A capital do mundo").

Nova Iorque é a cidade mais multicultural dos Estados Unidos, e uma das mais diversificadas etnicamente no mundo. É actualmente a segunda maior porta de entrada de imigrantes do país, superada apenas por Los Angeles.

Por causa dos grandes congestionamentos, especialmente em Manhattan, e de um excelente sistema de transporte público (especialmente o seu sistema de metro), seis de cada dez pessoas usam ou transporte público ou vão a pé para o trabalho, sensivelmente diferente daquela existente em outras grandes cidades americanas (destaque para Los Angeles), onde é a "cultura do carro" que predomina. Por curiosidade, mais de 65% da população não possuem carros. Mesmo o actual prefeito, Michael Bloomberg, um bilionário, usa transportes públicos todo dia como meio de locomoção.

Manhattan vista do Millennium UN Plaza Hotel de manhã.

 


publicado por voltaaomundoem12dias às 16:43
link do post | comentar | favorito
|

1 comentário:
De fátima monteiro a 15 de Março de 2010 às 17:42
O vosso blog tem uma óptima apresentação. Está muito bem conseguido. A informação também me parece interessante, sobretudo para conhecermos um pouco melhor as grandes capitais europeias.
Espero que a apresentação corresponda.
A prof de Área de Projecto.


Comentar post